olá! | hello!

Sou a Bertie, uma jornalista brasileira que sempre foi apaixonada por casamentos. Espero que as ideias apresentadas aqui te ajudem a imaginar um dia lindo e único, como você!

I'm Bertie, a Brazilian Journalist who has always been utterly in love with weddings. I hope that the ideas presented here help you to create a day as beautiful and unique as yourself!

arquivo | archive

posts sobre | posts on

babycakes

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin

quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Ano Novo com as Experts: Carol Hungria

Ano Novo com as Experts: Carol Hungria
31/12/08

Para fechar 2008 com chavíssima de ouro e iniciar 2009 com muita informação, entrevistei duas estilistas super queridas: a Carol Hungria e a Lethicia Bronstein Pompeu. Ambas são criativas, dedicadas, detalhistas, parceiras de suas clientes e, ainda por cima, são umas fofas. Para mim, as duas, cada uma com seu estilo, com seus espíritos jovens e modernos, são responsáveis por criações que vêm atualizando a moda noiva nacional. Pedi, então, para que me contassem um pouco sobre seus processos criativos e sobre o que 2009 guarda para suas noivas!

Amanhã, receberemos Lethicia e, hoje, saberemos um pouco mais sobre a estilista carioca Carol Hungria, que cria modelos incríveis em seu atelier no Jardim Botânico desde outubro de 2007. Adoro sua ousadia, suas construções cheias de texturas e sua capacidade de produzir beleza usando tecidos variados, técnicas diferenciadas e mistura de cores.

****************************

{ci} Conte-nos um pouco sobre suas principais fontes de inspiração.

Costumo me inspirar bastante em elementos da natureza como folhas e flores. Gosto muito da forma orgânica, das cores e da leveza que só ela tem. Adoro também pesquisar tecidos fora do comum e a partir deles criar uma peça para uma noiva diferente. Aliás, a maioria das minhas noivas é completamente fora do comum então isso ajuda bastante na criação!


{ci} Como funciona sua parceria com as noivas? Elas costumam participar do processo criativo ou preferem deixar esta fase em suas mãos?

Minha parceria com as noivas é integral. No nosso primeiro atendimento, procuro saber sobre o local do casamento, a decoração, que tipo de pessoa ela é e também percebo como ela gosta de se vestir. A partir disso desenvolvo alguns croquis e vamos combinando os detalhes juntas. A noiva aprova todas as fases do vestido e, por isso, ela participa muito da criação comigo. Acho isso muito importante, pois só assim ele pode ficar com o jeito mais parecido com ela. Algumas pessoas que vêm aqui não têm a menor idéia do que querem e preferem deixar totalmente na minha mão, mas isso é a minoria.

{ci} Você tem uma criação especial que tenha te marcado de alguma forma?

Acho que todas as noivas me marcam um pouquinho, não só pelos vestidos, sempre bem diferentes um do outro, como também pela história. Elas passam tanto tempo aqui comigo que fica impossível não formarmos alguns laços e trocarmos algumas experiências. É sempre estranho quando chega o casamento, pois a partir desse momento perdemos esse contato tão intenso!

{ci} Num mundo completamente conceitual, onde não houvesse limites, tudo estaria ao seu alcance e você tivesse carta branca, como sua noiva estaria vestida?

Acho que aqui no atelier eu sou muito feliz em relação à criação. É impressionante, parece que todas as noivas que surgem por aqui vêm procurando exatamente o que eu amo fazer: uma coisa diferente, bem fora dos padrões, às vezes até com degradê de cores e aplicações mais conceituais. Por isso, fica até um pouco difícil falar sobre o que eu adoraria fazer, mesmo partindo para o conceitual, já que eu tenho essa liberdade com elas aqui. Mas só para constar, adoraria que elas fossem mais Yves Saint Laurent. A última coleção de noivas dele foi incrível!


{ci} Quais serão as principais tendências para as noivas de 2009?

Na minha concepção, acho que não devemos seguir muitas tendências para noivas, já que não queremos que elas fiquem todas iguais. O que tem surgido muito são noivas que querem detalhes de cor no vestido como o lilás bem clarinho, alguns tons de rosa e tenho feito muitos vestidos misturando detalhes brancos e off-white que têm ficado lindos! Flores também nunca saem de moda aqui no atelier. Todas elas gostam muito, mesmo que seja apenas num detalhe de cabeça. Rendas saindo do básico floral também tenho sugerido bastante: bolinhas, arabescos, folhas despetaladas etc.


{ci} O que estará em alta para mães e madrinhas em 2009?


Para mães e madrinhas tons puxando para o acinzentado e cítricos clarinhos têm feito bastante sucesso. Transparência leve e saias mais secas também.


{ci} Como você vê a indústria de casamentos do Rio de Janeiro? Existe algo que em sua opinião pode ser melhorado?


Acho que as coisas vão bem nesse setor, mas, como tudo, temos muito o que melhorar. Acredito que, com essa leva de pessoas jovens cada vez mais abocanhando o mercado, ele vai ganhar novo fôlego e novas formas. Isso é muito importante: a renovação, o novo, o inesperado. O mercado ficou muito tempo estagnado por ter uma ditadura de modelos de vestido, decoração e locais para se fazer a festa que vem acabando.

{ci} Qual o seu principal conselho para as noivas que estão começando a organizar seu casamento?

Acho que o maior conselho que eu posso dar é, em primeiro lugar, contratar um cerimonialista! Só ele vai poder te mostrar tudo o que você deve fazer e como e, com isso, tirar um peso de cima das noivas.

Em segundo lugar, ver local de casamento, bufê e outras coisas da decoração que precisem de antecedência.

Depois, a melhor parte: o vestido! E com ele vem toda a assessoria que damos aqui, relacionada ao tipo de sapato, cor de buquê, contatos de maquiagem e cabelo etc. E aí é só esperar para casar!


****************************

Muito obrigada, Carol, por passar o Ano Novo aqui conosco! É um alegria ter seu lindo trabalho no {casando idéias}!

Não deixe de visitar o site da Carol para mais informações sobre seus esplêndidos vestidos! E, Babycakes, dê uma passadinha por aqui amanhã para saber o que a fofa da Lethicia nos contou!